Por que é tão difícil mudar, mesmo quando sabemos que determinados hábitos ou atitudes são prejudiciais?

Muitas pessoas querem adotar novos hábitos alimentares e estão bem informadas dos benefícios da atividade física regular, no entanto, o saber e o querer parecem não ser suficientes para vencer os obstáculos dos maus hábitos, dos condicionamentos mentais antigos e do uso emocional do alimento para aliviar o estresse e preencher o vazio que as insatisfações causam.

O corpo é um reflexo físico das escolhas que fazemos ao longo da vida.

O ato de comer envolve a imagem que temos de nós mesmos, os nossos hábitos, condicionamentos e memória.

Escute aqui um trecho de uma das minhas palestras onde falo
sobre como Liberte-se das insatisfações com o corpo e saúde

Liberte-se das insatisfações com o corpo e saúde

Liberte-se das insatisfações com o corpo e saúde

 

A mente é a chave para o controle do peso e para a manutenção de hábitos saudáveis, e quando ela está satisfeita, ela libera a adoção de novas posturas, mas quando existe o estado de insatisfação, não temos a força para a superação, por mais que saibamos tudo que é necessário fazer.

Quantas vezes você não conseguiu manter uma dieta?

Quantas vezes você não conseguiu manter uma mudança de atitude que se prometeu fazer?

Sabemos o que devemos fazer mas mesmo assim, temos mecanismos que produzem a resistência e voltamos aos mesmos comportamentos que prometemos romper.

A vontade própria parece não ser suficiente. E não é, temos que vencer a força poderosa do nosso piloto automático que nos faz ser e agir de forma repetitiva, adiando as mudanças que tanto queremos na nossa vida.

Maus hábitos alimentares

Queremos o novo e sabemos que temos que ser um EU RENOVADO, mas de repente… desistimos de tudo e mandamos tudo para o inferno, e voltamos ao mesmo ponto de partida, o nosso EU REPETITIVO.

Somos capazes de suportar a dor das perdas imediatas, aquele doce maravilhoso que teremos que dispensar, aquela vontade irresistível de ficar na cama e não ir para a academia treinar, para gozar de benefícios a longo prazo como um corpo malhado e bonito?

Somos capazes de dedicar mais tempo da nossa rotina para cuidados com nossa saúde para prevenir o estresse e o adoecimento frequente do corpo ou acabamos dando importância a cumprir as nossas tarefas de uma rotina excessiva de coisas para fazer, que mesmo sabendo da importância sempre fica para algum dia… O dia que eu tiver mais tempo, então vou cuidar mais de mim.

Adiamos a nossa saúde e adiamos a nossa vontade de um corpo ideal, porque não controlamos a nossa mente.
Precisamos olhar para dentro e entender nossas motivações, e se estamos tentando preencher um vazio e a comida se transformou no jeito mais rápido de fazer isso, ou se estamos sem forças para manter novos hábitos, porque sentimos insatisfação em outras áreas da vida que não conseguimos dominar.

 

É possível criar hábitos novos. Ative sua saúde Milagrosa.
Clique aqui e escute esse áudio em MP3: 

Tudo que não mata engorda, a saúde milagrosa

Tudo que não mata engorda, a saúde milagrosa

 

Precisamos ter controle de nossas emoções para ter controle de nossos resultados.

Precisamos reeducar nossa mente para remodelar nosso corpo.

Um super abraço,

ASS ROSALIA

 

Rosalia Schwark
Psicóloga Especialista em Neurociência
Criadora do Método Movimento Perfeito

 

Deixar seu Comentário

Comentar